domingo, 15 de maio de 2011

Porque hoje é Domingo(153)


Capela da Praia de Mira - Olhares - Fotos online.

Depois disto manifestou-se Jesus outra vez aos discípulos junto do mar de Tiberíades; e manifestou-se assim:

Estavam juntos Simão Pedro, e Tomé, chamado Dídimo, e Natanael, que era de Caná da Galiléia, os filhos de Zebedeu, e outros dois dos seus discípulos.

Disse-lhes Simão Pedro: Vou pescar. Dizem-lhe eles: Também nós vamos contigo. Foram, e subiram logo para o barco, e naquela noite nada apanharam.

E, sendo já manhã, Jesus se apresentou na praia, mas os discípulos não conheceram que era Jesus.

Disse-lhes, pois, Jesus: Filhos, tendes alguma coisa de comer? Responderam-lhe: Não.

E ele lhes disse: Lançai a rede para o lado direito do barco, e achareis. Lançaram-na, pois, e já não a podiam tirar, pela multidão dos peixes.

Então aquele discípulo, a quem Jesus amava, disse a Pedro: É o Senhor. E, quando Simão Pedro ouviu que era o Senhor, cingiu-se com a túnica (porque estava nu) e lançou-se ao mar.

E os outros discípulos foram com o barco (porque não estavam distantes da terra senão quase duzentos côvados), levando a rede cheia de peixes.

Logo que desceram para terra, viram ali brasas, e um peixe posto em cima, e pão.

Disse-lhes Jesus: Trazei dos peixes que agora apanhastes.

Simão Pedro subiu e puxou a rede para terra, cheia de cento e cinqüenta e três grandes peixes e, sendo tantos, não se rompeu a rede.

Disse-lhes Jesus: Vinde, comei. E nenhum dos discípulos ousava perguntar-lhe: Quem és tu? sabendo que era o Senhor.

Chegou, pois, Jesus, e tomou o pão, e deu-lhes e, semelhantemente o peixe.

E já era a terceira vez que Jesus se manifestava aos seus discípulos, depois de ter ressuscitado dentre os mortos.

(Ev.de S. João cap. 21:1 a 14)

Nota:

Peço desculpa aos estimados amigos que por aqui passaram nos últimos dias e não encontraram o blogue actualizado. Primeiro, isto deveu-se a aspectos técnicos e depois, a motivos de força maior. Agradeço áqueles que me telefonaram ou contactaram, preocupados comigo.

4 comentários:

manuel marques disse...

Porque hoje é domingo e forçosamente a teria que visitar,já sentia saudades.

Beijo.

Maria disse...

Bem-vinda e boa semana!
Beijos.

esperança disse...

Boa noite minha querida maninha, Que tudo esteja a correr á tua feição e dos teus queridos, por aqui tudo bem, graças a Deus. Ontem liguei, não estavas, não o voltei a fazer para não incomodar. Falei com os nossos irmãos.

O Senhor Jesus Cristo, Primícias da ressurreição dos mortos, disse aos seus discípulo: lançai a rede para o lado direito do barco. Quanto a mim, o Senhor quis dizer que nos dá as oportunidades, e nós temos que, lhes deitar mão, ir em frente…E aproveitar bem…
Tem, tenhamos todos uma noite tranquila

Rosa disse...

Se atendermos à voz do Mestre e lançarmos as "redes" ao Seu cuidado, ainda que seja "noite" na nossa vida, a pesca é frutífera.
Só quando é "manhã" no nosso interior, quando Jesus está presente e nos espera na "praia" haverá "peixe" em abundância...e o Pão não faltará.

Faz-nos, Senhor, olhar mais para a "praia" onde Tu nos darás a direcção certa para lançarmos as "redes" e onde nos esperas, para Contigo nos saciarmos.