quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Uma reflexão para este Feriado Católico-Obrigatório


Fonte da imagem: http://ultradownloads.com.

"Por um só homem entrou o pecado no mundo e com o pecado veio a morte.
Foi assim que a morte atingiu toda a gente, já que todos pecaram.
(Ep. de S. Paulo aos Romanos cap. 5:15)

"Não há ninguém que seja justo. Ninguém."
(Ep. de S. Paulo aos Romanos cap. 3:10)

"Assim como o pecado de um só homem trouxe a todos a condenação, assim também um só acto de justiça trouxe a justificação que dá vida a todos os homens.
Pois como pela desobediência de um só homem todos se tornaram pecadores, pela obediência de um só todos se tornam justos diante de Deus."
(Ep. de S. Paulo aos Romanos cap. 5:18)

"Maria disse então:
A minha alma celebra a grandeza do Senhor
e o meu espírito se alegra em Deus meu Salvador."
(Ev. de S. Lucas cap.1:38)

Nota:

"A Igreja Católica Romana celebra a oito de Dezembro o Dia da Imaculada Conceição de Maria Santíssima...
...Maria foi concebida sem a mancha do pecado original desde sua mãe Santa Ana, e nasceu portanto, sem o pecado original.
O Dogma da Imaculada Conceição de Nossa Senhora foi proclamado pelo Papa Pio XI, em 1854, com a bula Ineffábilis Deus."

(Henrique Tigo)
In - http://www.tintafresca.net/

11 comentários:

Maria disse...

Pois é!
Mesmo sabendo que muitas pessoas nem sabem o feriado que estão a gozar, é lamentavel a ignorância sobre a Palavra de Deus.
Um abraço.

Felipa disse...

Olá, sigo o seu blog mas acho que nunca comentei, no entanto hoje quero fazê-lo para agradecer esta referência a Nossa Senhora da Conceição. E agradeço que o tenha feito simplesmente, sem acrescentar nada ofensivo.
Nasci católica e fui-o até aos 16 anos. Depois tornei-me evangélica, mas como não havia onde prestar o culto perto de minha casa continuei a frequentar a igreja católica, embora fosse evangélica. Lia a Bíblia, como o costume dos evangélicos. E foi precisamente a Bíblia que me fez regressar definitivamente à igreja católica, aos 28 anos (tenho 45) ao ler o Magnificat. Porque Maria diz: "grandes coisas fez em mim o Senhor, e santo é o seu nome; de hoje em diante todos me chamarão bem-aventurada" (estou a citar de cor, peço desculpa se não forem bem estas palavras). E bateu como um raio em mim: se Deus é santo e fez maravilhas em Maria, quem sou eu para me atrever a dizer o contrário?
E então eu, que já não conseguia rezar a Avé Maria, voltei a fazê-lo e pedi perdão. E a Mãe do céu é a minha maior amiga.

Tenho o maior respeito por todas as religiões, mas não posso deixar de salientar que a pureza de Maria é do mais bonito que a igreja católica tem. E sei que Jesus aprecia que veneremos a Sua Mãe (não a adoramos) como a rainha-mãe, a Mãe do Salvador. Se Maria não tivesse existido Jesus ainda não teria vindo à Terra, pois o Seu Corpo jamais poderia estar exposto ao pecado, no ventre de qualquer mulher. A mãe de Jesus tinha de ser a própria pureza.

Desculpe o atrevimento e tenha um bom resto de Dia Santo.
Abraço

Rosa disse...

E hoje também nós podemos louvar a Deus com este belo cântico de louvor, tal como Maria o fez, na sua visita a Isabel.



Magnificat

A minha alma glorifica o Senhor
E o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador.

Porque pôs os olhos na humildade da sua Serva:
De hoje em diante me chamarão bem aventurada todas as gerações.
O Todo-Poderoso fez em mim maravilhas:
Santo é o seu nome.

A sua misericórdia se estende de geração em geração
Sobre aqueles que o temem.
Manifestou o poder do seu braço
E dispersou os soberbos.

Derrubou os poderosos de seus tronos
E exaltou os humildes.
Aos famintos encheu de bens
E aos ricos despediu de mãos vazias.

Acolheu a Israel, seu servo,
Lembrado da sua misericórdia,
Como tinha prometido a nossos pais,
A Abraão e à sua descendência para sempre


Abraços e resto de um bom feriado

Kátia Santa Ana disse...

Aqui em Recife (Brasil) também é feriado, temos uma pátria que se d iz laica, porém o que percebo é uma idolatria que apoiada pelo sistema político engana muitas pessoas, infelizmente a idolatria está presente em todos continentes, mas o evangelho de Cristo tem sido pregado em toda terra até a consumação dos séculos. Amém.

Kátia Santa Ana disse...

Aqui em Recife (Brasil) também é feriado, temos uma pátria que se d iz laica, porém o que percebo é uma idolatria que apoiada pelo sistema político engana muitas pessoas, infelizmente a idolatria está presente em todos continentes, mas o evangelho de Cristo tem sido pregado em toda terra até a consumação dos séculos. Amém.

Fernanda Maria Rocha Mesquita disse...

Olá Viviana! Como sabe não gosto muito de discutir religão mas por vezes existem coisas que me confundem. Como poderia Maria ser Santa se depois de dar Jesus Cristo à luz teve uma vida marital com José, nascendo disso vários filhos? Beijinhos e parabéns pela frontalidade dos seus artigos misturado com boa educação.
fernanda

Viviana disse...

Querida Mimi

Por isso expliquei que feriado se comemorava.

Quanto ao conhecimento da Palavra, quem dera que todos a ela tivessem acesso e tivessem prazer em lê-la e praticà-la.

O mundo seria outro.

Um beijo
viviana

Viviana disse...

Olá, Felipa

Apreciei a sua visita e as suas palavras, as quais agradeço.

Tenho um princípio que me norteia:

Deus e as suas doutrinas não se discutem.
Ou se crê ou não se crê.

A liberdade que nos vem do sacrifício de Cristo na cruz, é total.

Em Cristo somos verdadeiramente livres.
E isto inclui também, que cada cristão é livre nas suas escolhas.

Um abraço

Nota: Já "passeei" por todos os seus blogues, mas não tive oportunidade de comentar.
Voltarei um dia destes se Deus quiser.

viviana

Viviana disse...

Olá, Kátia

Brasil e Portugal, como sabemos, são muito iguais.
A pasagem dos porugueses por aí deixou marcas, naturalmente.

Temos uma certeza:

“Mas recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e sereis minhas testemunhas tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria e até aos confins da terra”. 
At 1.8

Compete-nos testemunhar de Cristo.

Um abraço
viviana

Viviana disse...

Querida Rosa

Quye bom que nos trouxe aqui, completo, o cântico de Maria!

É dos cânticos mais belos da Palavra!

Dá um prazer imenso recità-lo.

Obrigada
um beijo
viviana

Viviana disse...

Querida Fernanda

Tammbém não discuto religião.

Nem Deus.

O meu papel como cristã é viver de acordo com os ensinamentos de Cristo e ser sua testemunha fiel.
É isso que procuro fazer.
Obrigada por a visita e as suas sempre amáveis palavras.
Beijoa para si e para o Eduardo
viviana