sábado, 15 de setembro de 2012

Correram lado a lado e cortaram a meta abraçados

                          Os meus filhos Pedro e Miguel cortando a meta abraçados


Os meus filhos dão-me muitas alegrias...graças á  bondade do Senhor.

Sorrio e emociono-me, ao olhar esta foto do Pedro e do Miguel com uma expressão tão feliz, ao cortarem a meta abraçados, na Meia-Maratona de S. João das Lampas - Sintra  -  (22kms)  que teve lugar a semana passada.
Partiram juntos e chegaram juntos.
O Pedro, creio que já perdeu a conta das muitas meias-maratonas em que participou. Quanto ao Miguel, creio saber que esta foi a terceira. Foi desafiado pelo irmão a treinar para participar e aceitou o desafio. O Pedro tem 45 anos e o Miguel 44.
Quando chegaram aqui a casa, finda a prova, os filhos, as mulheres, os irmãos e o pai e a mãe, ao vê-los sair do carro, aqui desta janela  do terceiro andar... ovacionaram-nos efusivamente com muitas palmas e expressões  como esta:  "Vivam os atletas! O Pedro e o Miguel são os maiores, viva!
A criançada deu largas á sua alegria.
Da janela, corremos para a porta, e aí, os filhos penduraram-se ao pescoço dos pais, felizes, muito felizes!
Foi bonito! Tão bonito!
Creio que toda a rua e os vizinhos souberam deste feito do Pedro e do Miguel.
O Pedro não pára  de treinar. Levanta-se antes das seis da manhã para ir correr antes de ir para o trabalho  e á noite, volta a treinar...sempre com alegria e boa disposição. Está  "a sonhar" participar pela primeira vez numa Maratona - 42 kms - na Maratona  da cidade do Porto no próximo dia 28 de Outubro.


Força Pedro! Vai em frente!

3 comentários:

Fmaria Mesquita disse...

Força Pedro! Vai em frente!
Gostei de ver, deveria ser sempre assim... o afetoentre itmaos
bj Viviana

Maria disse...

Boa!
Parabéns pela participação, mas mais ainda pela beleza que esta foto transmite. Lembrei-me deles, bem pequeninos, a brincar juntos.
Deus os abençoe. Tenham um bom Dia do Senhor.
Shalom!

Rosa disse...

Participo na alegria "Vivam os atletas! O Pedro e o Miguel são os maiores, viva!
Abraços.