quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Desafio de Natal


Imagem da net

Recebi este Desafio de Natal da querida amiga Isabel Cabral, do blogue:

http://bc-beblogspotcom.blogspot.com/.

Obrigada, boa e fiel amiga.

Este desafio consiste em completar cinco frases que têm a ver com o Natal.
Aqui ficam as minhas respostas:

- Eu já tive -
- Eu sei que -
- Eu sei que -
- Eu sei que -
- Eu sei que -

Aqui ficam as minhas respostas:

- Eu já tive oportunidade de vivenciar momentos únicos e inesquecíveis, em celebrações de Natal, quer em família, quer na minha Igreja .
Enquanto tivemos a benção de ter a nossa mãe conosco, a Festa de Natal na noite da consoada, sempre foi na sua casa.Lá se juntavam todos os filhos, genros e netos, numa comunhão de alegria maravilhosa.
Na Igreja, desde pequenina e até ao dia de hoje, sempre participei dos programas especiais, quer nos belos cânticos de Natal, quer em representações de peças, ou mesmo recitando poemas, como acontecerá este ano.
A celebração do Natal de Cristo, é para a nossa família deveras relevante.
Este ano se Deus quiser, estaremos todos juntos em casa do meu filho mais velho, o Pedro David.

- Eu sei que o nascimento do Menino de Belém, há dois mil anos atrás, foi a única forma de Deus resolver o problema espiritual do homem (ser humano).
O Menino fez-se Homem, viveu entre nós, trouxe-nos a Boa Nova da salvação, por meio do amor de Deus, e cumpriu cabalmente o fim para que veio: Morrer em nosso lugar na Cruz do Calvário, ofertando-nos assim, o perdão para os nossos pecados e a salvação eterna, que, sòzinhos, por nós mesmos, nunca conseguiríamos.

- Eu sei que para muitos, talvez a maioria, o nascimento do Menino, pouco ou nada diz no aspecto espiritual. Mas eu lamento que assim seja, porque não só não valorizam a sua vinda ao mundo dos homens, como desperdiçam a oportunidade de ouro, de agarrar com ambas as mãos, o melhor presente do mundo.

- Eu sei que infelizmente para muita, muita gente, celebrar o Natal significa apenas mais um feriado nacional, mais uma festa, onde se come e bebe bem, e onde se trocam presentes. Mais nada.

- Eu sei que o Natal tornou-se em comércio, em oprtunidade de vender mais, de ganhar dinheiro, de fazer negócio.

- Eu sei que as crianças são educadas para isso desde pequeninas.
O natal para elas é uma excelente oportunidade de pedirem e "exigirem", presentes e mais presentes, com os quais enchem o quarto, e dos quais se enfastiam logo a seguir.
E enquanto isso, há milhões de crianças no mundo, que não só não recebem um presente sequer, mas têm fome, e sede, e frio, e doenças que poderiam ser curadas se tivesem meios, e guerras e violências sem fim.

- Eu sei que o Menino de Belém veio para que todas as crianças do mundo e todas as pessoas em geral, possam viver uma vida abundante e serem felizes.
Creio que é altura de todos reflectirmos sobre isto, e aceitar-mos o desafio de Cristo, entronizando-o como Senhor das nossas vidas, como nosso Salvador e nosso guia, e assim, cada um, amando Deus acima de todas as coisas e ao próximo como a si mesmo, dar o seu precioso contributo para que todos possam ser felizes e possam realizar-se como pessoas, como seres humanos criados á imagem e semelhança de Deus.

- Eu sei que isto poderá parecer um sonho impossível de realizar, mas se todos mudarmos de atitude perante o Natal de Cristo, atendendo ao seu real e magnífico significado, eu tenho a certeza que tudo será diferente.

Em pricípio, eu deveria, segundo as regras, nomear cinco blogues amigos para passar este desafio, porém vou fazer uma coisa diferente:

Com muito gosto, ofereço este desafio de Natal, a todos os queridos amigos e amigas e estimados leitores, que por aqui passarem e lhe desejem dar continuidade.
Seria interessante.

8 comentários:

Pelos caminhos da vida. disse...

Pessoas Queridas

Nessa telinha de sonhos,
por obra do acaso,
pessoas queridas
chegam de mansinho,
enchem o espaço de carinho
e, sem aviso prévio,
despertam a ternura
existente em nós.

Pessoas especiais
que aprendemos a amar
num jogo colorido de palavras
com todas as letras e tons
que possam caber
na saudade espaçosa
de uma distância.

Pessoas muito amadas
que procuramos reencontrar
nas esquinas da vida
em um rosto amigo
com braços de atleta,


coração de menino
sorriso de anjo-da-guarda
e guarda-costa
particular-pessoal-intransferível
perdido em algum dos quatro
cantos da terra....

(Autor: Desconhecido).

BOm dia amiga!

beijooo.

Maria Emília disse...

Obrigada pela oportunidade. Não percebi muito bem quais as introduções a completar, mas aceito o desafio e falarei do Natal em cinco itens:

1. Eu amo o Natal – porque foi o nascimento de Jesus que materializou a grande prova do amor de Deus, dando-nos acesso à salvação.
2. Eu comemoro o Natal – em casa, na igreja e no coração, porque quero sempre honrar e homenagear o meu Salvador. E, uns a correr melhor que outros, não tenho perdido o seu verdadeiro sentido.
3. Eu não gosto do Natal – que hipocritamente faz as guerras pararem por umas horas, que explora sentimentos e que apela ao despesismo.
4. Eu tenho saudades do Natal – que nunca tive, mas sei que é um imaginário utópico e que já passou a oportunidade.
5. Eu quero ver o Natal – na vida de cada ser humano, especialmente na das crianças e particularmente na dos meus netos.

Beijos e votos de Bom Natal para a Viviana, extensivos a todos os seus amigos e leitores.
Shalom!
Mimi

gaivota disse...

como é bom saber sempre mais 'um bocadinho' de ti!
os desafios por aqui têm que ficar em 'stand by' é o tempo e outras coisas para tratar!
fica bem, querida viviana
beijinhos

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Viviana!

Você sabe muito e muito tem a nos ensinar...

Um beijo com muito carinho!

Sonia Regina.

Viviana disse...

Olá Ana linda

Quanta beleza nestas palavras, amiga!

È isso, é mesmo isso que acontece...

que aconteceu conosco.

Sorrio de contentamento ao dizer isto.

Obrigada, boa amiga , obrigada por tudo.

Quero-lhe muito bem, como sabe...

Que Deus abençoe e faça prosperar a nossa sincera amizade.

Um abraço

viviana

Viviana disse...

Querida Mimi

Obrigada por participar neste desafio.

Sem dúvida que tanto para si quanto para mim...é maravilhosa e sublime a história do Natal de Cristo.

O resultado desse acontecimento move e rege as nossas vidas.

Que bom!

Beijos

viviana

Viviana disse...

Olá Gaivota linda

Alegra-me saber como aprecias saber um pouco mais de mim...

Mesmo á distância...é bom e agradável darmo-nos a conhecer uma á outra.

Quanto ao desafio, eu sei, eu sei que nesta altura andamos todos mais atarefados.

Saúde e alegria para ti!

Um beijo

viviana

Viviana disse...

Querida Sónia

Sabe que quando escrevo o seu nome ou penso em si, sempre sorrio?

E sabe porquê?

Porque mesmo tão longe, com o Oceano Atlântico a separar-nos...eu estou a vê-la na sua beleza, na sua delicadesa, no seu sentir....

E acho-a linda!

Quanto ao eu saber muito,amiga, é bondade sua.

Sei muito pouco...só que gosto muito de conhecer e saber, tudo quanto é bom, belo e positivo.
A minha maior riqueza é conhecer e usufruir o Amor de Deus!

Ele é a minha melhor porção.

Obrigada pelo carinho e amizade.

Um beijo

viviana