sexta-feira, 11 de maio de 2012

De vez em quando...um poema

                Um campo de Trevo Vermelho(Ver nota final) Amplie para ver como é lindo.


  DEUS MANDOU

Deus mandou a chuva
Para que a terra bebesse e frutificasse...
Deus mandou o vento
Para que o homem respirasse
O ar puro e para que a árvore
Se desnudasse da flor
Dando lugar ao fruto...
Deus mandou o sol
Para enfeitar a Primavera,
Para dar calor e luz aos homens...
Deus mandou as crianças
Para encherem as casas
De risos cristalinos...
Deus mandou as flores
Para colorir os campos e jardins
E perfumar a existência...

...................................................

Mas, Deus também mandou o sofrimento
Para que o homem não seja um objecto
Mas um ser que constrói o futuro
Á custa de esforço, de luta, de renúncia,
A fim de que ele não tenha sem procurar
Não possua sem conquistar,
Não encontre sem buscar
Mas, na luta pelo Bem e pelo Pão,
Encontre, nesta vida, uma razão!

Graciete Pio - no livro,  Perfume do Céu

Nota: Escolhi trevo vermelho, na foto, porque é uma flor da nossa infância, minha e da Graciete.

2 comentários:

Rosa disse...

Tudo faz sentido...
Nós é que teimamos em não (querer) perceber o "porquê" das coisas.

Tudo é perfeito, porque o Seu autor também O é.

Viviana, que tenha um bom resto de dia (de verão) feliz.
Abraços.

manuel marques disse...

Beijo e bom fim de semana.