quinta-feira, 22 de abril de 2010

Repare neste abrigo de paragem de autocarro


Abrigo de paragem de autocarro em Arneiro dos Marinheiros - Sintra

Lá vou eu falar uma vez mais da zona de Sintra!
O povo diz que "a boca fala daquilo que o coração está cheio." Nada mais certo.
Eu vivo na zona de Sintra, eu amo Sintra, eu tenho um carinho muito especial por esta vila magnífica e por as terrinhas ao redor.
Pois bem, quando atravessamos a Freguesia de S. João das Lampas, uma das catorze freguesias do concelho, não podemos deixar de reparar nos abrigos das paragens de autocarro. Para mim, são únicos. Não me recordo de ver nada igual em todos os lugares do país por onde já andei. Claro que já vi mais modernos e mais sofisticados...mas não tão lindos e práticos
.Pintadinhos de azul e branco, impecavelmente limpos e bem cuidados, parecendo pequenas casinhas de habitação, não lhe faltando sequer a janela!
Tem um banco de pedra corrido, tem um mapa local, tem o brasão da freguesia e ainda um telefone.
E o povo estima e cuida. Nem um risquinho ou qualquer sugidade nas paredes.
Ainda um dia, hei-de ir de autocarro, só para ter o prazer de usar um daqueles abrigos e esperar sentadadinha naquele banco corrido.

14 comentários:

Anita disse...

Olá Viviana querida bom dia, vim deixar um pouco de carinho que sinto por si deixando um abraço virtual bem gostoso.
Um dia abençoado.

Como seria bom que todas as paragens de transportes públicos fossem assim bem cuidadas... Mas para isso o povo tem que ser educado nesse sentido!

Beijinhos.
Fique bem. Fique com Deus.
Anita (amor fraternal)

Iana disse...

Ola linda amiga querida...

Obrigada por regar as flores no meu jardim...

É a alegria e o amor de todos os amigos/as que me mantem de pé.

Fiz um grande retiro (até de mim mesma), passei dias de fortes ventos, hoje porém mesmo com "algumas dores" me rendi ao carinho dos amigos/as e me joguei mais uma vez nos braços daqueles que quero e me querem também Tão Bem!

Mais que uma mão estendida,
mais que um belo sorriso,
mais do que a alegria de dividir,
mais do que sonhar bons sonhos
ou doer as mesmas dores,
muito mais do que o silêncio que fala,
ou da voz que cala para ouvir...
ter o teu carinho e amizade é o alimento
que sacia a alma e preenche
o meu viver!


Beijos e beijos da rosa amiga
Iana!!!

Pelos caminhos da vida. disse...

Tb não vi nada igual a esse ai, lindo.

Aqui em Curitiba, o vandalismo neles é muito gde, são modernos de vidro, mas já estão todos pixados, danificados, dá dó de ver.
Porque será que existe tanta maldade assim? Porque será que tem gente que faz isso por prazer?
É lástimavel.

beijooo.

manuel marques disse...

Passei para deixar um abraço ,o abrigo é lindo,fez-e lembrar o Portugal dos pequeninos.

renato disse...

Olá Viviana!

É uma pena existirem tão poucos abrigos como este em Portugal! E a sua beleza, o seu asseio, a sua linda pintura, diz-nos e pede-nos que não surjam marginais a deteriorarem este belo abrigo, como infelizmente se vê um pouco por este País!

Um abraço

Rute disse...

Olá Viviana!Gostei muito de ver esse abrigo,uma casinha que abriga mesmo do frio e do calor,não esquecendo o pormenor do telhado e da janela!!São poucos,talvez mais a pensar no TURISMO!:=(

esperança disse...

Boa noite minha querida maninha.

Que beleza!!!...Que maravilha!!! Dá gosto olhar para esta obra de arte, para mim, é um
monumento muito mais bonito do que muitos que já vi.
E dá para ver que abriga mesmo!
Vivianinha, na 6ª-feira quando fui com o João Pedro ao hospital, chovia muito, e abrigamos-nos num destes abrigos altos de teto arredondado, modernos e bonito, mas não abriga nada, pois tem o teto pra aí a meio metro do vidro, e junto ao chão a mesma coisa, e ainda têm uma abertura de alto a baixo nos cantos. Conclusão: entrava a agua por todo o lado, tivemos que dar uma corrida para outro abrigo uns bons anos mais velho, mais feio, mas abrigava.
Maninha, como sempre disse: és a maior !!! Obrigada por tudo o que nos vais mostrando.
Tem, tenhamos todos uma noite tranquila e um bom dia amanhã.
Esperança

Viviana disse...

Querida Anita

Obrigada boa amiga por o carinho e o abraço bem gostoso.

Retribuo.

Desejo que tenha uma excelente sexta-feira

Um beijo

viviana

Viviana disse...

Querida Iana

Há quanto tempo! amiga.

Tinha saudades!

Compreendo...

Os nossos caminhos por vezes trazem-nos surpresas.

Algumas bem difíceis, por sinal.

Desejo muito que tudo possa ir bem.

Que prossiga e consiga realizar o seu sonho!

Seja feliz!

Menina linda!

E que o bom Deus a abençoe.

um beijo

viviana

Viviana disse...

Querida ana

Eu sei como é, amiga.

Posso imaginar o que se passa aí...pois não deverá ser muito diferente de cá.

Estes abrigos são, como alguns outros, por exemplo aqui em Mira-Sintra...são excepção.

Um abraço

viviana

Viviana disse...

Olá Manuel

É verdade!

Fazem mesmo lembrar "Portugal dos pequeninos"!

Engraçado.

Um abraço

viviana

Viviana disse...

Olá Renato, meu bom amigo

Eu creio que naquela zona saloia, é capaz de haver menos "malandragem".

Para já, já os conheço lá, desde o ano passado e continuam bem...

Oxalá que por muito tempo.

Desejo-lhe um lindo dia

Um abraço

viviana

Viviana disse...

Olá Rute

São muito lindinhos, são.

Quando lá passo olho sempre para eles...

Um abraço

viviana

Viviana disse...

Olá minha linda maninha Esperança

É assim:

Vou andando, olhando, vendo tudo muito bem, observando...

E sempre com a máquina fotográfica "á mão de semear"...

Pois é.

A maior parte, senão todos...os abrigos modernos, não abrigam nada.

Costumo dizer que é dinheiro mandado ao ar!

Aquelas alminhas que os projectam e ganham o dinheiro...não têm olhinhos na cara para ver que aquilo não presta para nada!?

E as autarquias que os pagam não reclamam?

Acho mas é que aquilo está tudo "feito ao bife".

Enfim...

è pena, muita pena.

Desejo-vos uma linda sexta-feira

Beijinhos

viviabna