sábado, 2 de julho de 2011

Um livro...



Brincadeira sugerida pelo meu amigo Manuel
do blogue: arrozcomtodos.blogspot.com/
Escolher um livro, abrir na página da sua idade e escolher um trecho,ilustrando o post com uma bela imagem.Quem quiser participar é só levar o selo, que está aí em cima.


Imagem da net.

Livro

O Alçapão - de João Leal

Página 70

Entretanto, caminhando na nossa direcção, vinha um vagabundo. O cabelo caía-lhe na cara e e a barba chegava-lhe ao peito. Vestia um sobretudo roto e nos pés trazia um par de sapatilhas de basquetebol sem atacadores. "Olhó o gajo," disse espantado o das tatuagens para o gordo. Ficámos os três a vê-lo a aproximar-se. Vinha a falar consigo próprio num monólogo de louco e mal deu por nós três mesmo ali ao pé dele, quando virou as escadas do Cool Breeze e começou a descer para a entrada. Parou a meio, de costas, levantou a cabeça como se o tivessem chamado e virou-se. Reconheci então o padre Rui.
- Padre...?
perguntei estupfacto.
- És o Jorge. Folgo em saber que estás bem. Também falhei contigo, não foi?
Eu sei, eu sei.
disse com uma voz triste.

4 comentários:

manuel marques disse...

Este pequeno trecho abriu-me o apetite.

Beijo e bom fim de semana.

Rosa disse...

Este capitulo ainda não li, vou na pág.45) mas já posso garantir que é deveras interessante.
Fácil de ler, ficando o gosto de ler sempre mais umas linhas.

boa semana

Viviana disse...

Querida Rosa

É facil de ler, sim.
E é também empolgante.

Já agora:
Como é que enfrentou aquela linguagem que não é do João mas do personagem?

Ó lá, lá!

Senti o mesmo, creio eu.

Um grande abraço
viviana

Viviana disse...

Caro Manuel

Gostaria de lhe ofertar um exemplar.
Só preciso do seu endereço.
Como o conseguir?

Deixo aqui o meu e-mail:
vivianabengelsdorff@gmail.com

Um abraço
viviana