terça-feira, 19 de agosto de 2008

A minha homenagem a Dorival Caymmi


Dorival Caymmi

Há pessoas que nascem para fazer grandes coisas.
È o caso de Dorival Caymmi.

Um pouco tardiamente,venho aqui prestar-lhe a minha homenagem, e dizer-lhe OBRIGADA... por tudo quanto de belo e inspirador nos ofereceu, e nos deixou, como herança preciosa.

Encontrei num blogue amigo - Mente, Corpo e Arte - este texto, onde a autora nos revela o essencial sobre a vida deste homem ilustre.
Não hesitei em "trazê-lo" para aqui, para proporcionar aos amigos que por aqui passam informação sobre o que fez de lindo, de belo, e importante.

- "Nasceu em Salvador,30 de abril de 1914 e faleceu no Rio de Janeiro,16 de agosto de 2008 foi um cantor, compositor, pintor e ator. Compôs sobre os hábitos, costumes e as tradições do povo baiano. Tendo como forte influência a música negra, desenvolveu um estilo pessoal de compor e cantar, demonstrando espontaneidade nos versos, sensualidade e riqueza melódica. Morreu em 16 de agosto de 2008, aos 94 anos, em casa, às seis horas da manhã, por conta de insuficiencia renal e falência múltipla dos orgãos. Estava doente desde 2007, permanecendo em internação domiciliar desde dezembro.
Poeta popular, compôs obras como Marina, Modinha para Gabriela, Maracangalha, Saudade de Itapuã, O Dengo que a Nega Tem, Rosa Morena. Filho de Durval Henrique Caymmi e Aurelina Soares Caymmi, era casado com Adelaide Tostes, a cantora Stella Maris. Todos os seus três filhos são também cantores: Dori, Danilo e Nana Caymmi.
Como ator, ele trabalhou em dois filmes: Estrela da Manhã, dirigido por Jonald de Oliveira em 1948, e Sand Pit Generals, de Hal Bartlet, 1969. Anos mais tarde, quase abandona a música por causa da pintura
Caymmi deu a Bahia uma identidade, as vezes um pouco distorcida, por alguns que o julgavam preguiçoso, mas na verdade Caymmi foi um sabio, mantendo o ritmo fazendo as coisas com esmero, um homem amante da vida, assumidamente apaixonado pela esposa e pelos filhos, um homem que soube descrever a beleza do lugar onde nasceu.Por isso tudo obrigada Caymmi, descanse em paz." -

Samba da Minha Terra

Dorival Caymmi

Samba da minha terra deixa a gente mole
quando se canta todo mundo bole, quando se canta todo mundo bole
Quem não gosta de samba bom sujeito não é
É ruim da cabeça ou doente do pé
Eu nasci com o samba no samba me crieie
do danado do samba nunca me separei.

11 comentários:

Anita disse...

Brilhe... sempre!
para que a luz do seu brilho continue a iluminar a sua caminhada para o amor, a paz e a felicidade!

Um dia muito abençoado amiga.
Linda homenagem!

Beijos
Fique bem. Fique com Deus.
Anita (amor fraternal)

bete pereira da silva disse...

Eu cresci ouvindo Marina Morena, que minha mãe gostava muito, até porque Marina é o nome dela...
Sim, saudades de Caymmi.

Rosa disse...

"O que fizermos por nós mesmos morre connosco; o que fizermos pelos outros e pelo mundo permanece e é imortal"
(Albert Pike)

Beijos
E uma boa noite, Viviana.

R.Irene

Viviana disse...

Olá querida Anita,

"Brilhando, brilhando,
Sempre a brilhar como a luz,
brilhando, beilhando,
sempre a brilhar por Jesus!"

Recorda este Hino do Cantor Cristão?

Um abraço, amiga
Viviana

Viviana disse...

Olá querida Bete,

Posso imaginar o quanto ouviu da música linda deste homem!

Pena que a voz se cale, não?

Um beijo
Viviana

Viviana disse...

Olá querida Rosa,

Certíssimo.

Como disse alguem:

"Tudo termina, tudo acaba!

No fim de tudo, só o amor permanece."

Que possamos sempre recordar isto.
um abraço
viviana

E o pensamento voa... disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
E o pensamento voa... disse...

Oi, Viviana!
Que linda homenagem!
Me sinto honrada por ser brasileira e por um artista da minha terra estar sendo homenageado aqui em seu blog, amiga!Brigada! beijo carinhoso,
neli
PS: Ah, e fala pra sua neta que eu também te acho linda. Embora nunca tenha visto seu rosto (gostava de ver), tens uma alma belíssima! E isto faz com que te ache bela também!

esperança disse...

Boa noite doce maninha, pois é, a D. Rosa tem razão: " O que fizermos por nós mesmos morre connosco; o que fizermos pelos outros e pelo mundo permanece é imortal." Esta é a verdade, gostei...é assim que vamos juntando migalha-a-migalha o tão almejado tesouro no Céu; para obtemos a vida Eterna; tudo o mais é vão.
Noite de sossego para todos...

Viviana disse...

Olá querida Neli,

Tive muito gosto em homenagear aqui o Dorival Caymmi.

São pessoas que marcam, que deixam um rasto lindo!

Quanto á minha beleza de alma!...
agradeço as palavras, mas creio que não é tanto assim.

E, quanto ao meu rosto... um dia destes eu vou colocar aqui uma foto minha, para os meus amigos saberem como eu sou.Certo?

Tenha um lindo dia
Um beijo viviana

Viviana disse...

Olá minha linda maninha Esperança,

Sim, a Rosa tem razão.

Gostei muito do pensamento que ela deixou.
Tanto, que o enviei aos meus muitos amigos, hoje, no e-mail matinal.

tenham um dia lindo

beijos
viviana