sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Andai nas Veredas Antigas (1)


 Na última "arrumação" da biblioteca cá de casa, que integra, sem exagero. mais de mil livros e muitas centenas de opúsculos e folhetos,  selecionei, para minha consulta e leitura, uma boa quantidade. Hoje, peguei  num desses folhetos, meio amarelecido, mas com aspecto agradável e atraente, que tem  como título - Andai nas Veredas Antigas -  baseado   no versículo dezasseis do capítulo 6 do Livro do Profeta Jeremias:

"Assim diz o SENHOR: Ponde-vos à margem no caminho e
vede, perguntai pelas veredas antigas,
qual é o bom caminho; andai por ele
e achareis descanso para a vossa alma;
mas eles dizem: Não andaremos".

Este folheto,  com um total de sete páginas que integram 22 itens, foi editado pela Associação de Igrejas Baptistas  Portuguesas, no ano de 1969, e tem como objectivo  dar a conhecer as bases doutrinárias desta Associação. A Igreja Evangélica Baptista das Boas - Novas, na Amadora, da qual sou membro, está integrada nesta Associação.

Depois de ler e apreciar este folheto, concluí que seria  interessante divulgar o seu conteúdo, aqui neste espaço, para conhecimento dos amigos que por aqui vão passando.
Irei fazê-lo de uma forma faseada, leve e não cansativa.Em princípio, farei essa publicação ás sextas - feiras.
Faço-o também como forma de homenagear um amado e saudoso Pastor, fiel e consagrado servo de Deus - Pastor Joaquim Lopes de Oliveira, que já descansa na Eternidade, o qual, segundo creio, se empenhou na edição deste interessante folheto cristão.

Andai nas Veredas Antigas

Sustentamos pelas Escrituras Sagradas o seguinte corpo de doutrinas:

1 -  A Inspiração das Escrituras

Cremos que a Sagrada Escritura foi inspirada por Deus aos homens que a escreveram e é um tesouro de instrução celestial - (II Ep. de S. Paulo a Timóteo cap.3:16; II Ep. de  S. Pedro cap.1:21)

4 comentários:

manuel marques Arroz disse...

Bom fim de semana.

Abraço.

Viviana disse...

Olá, meu amigo

Obrigada

O meu abraço
Viviana

Rosa disse...

A nossa anciã de percorrer e descobrir caminhos novos não deixa que se escolha a melhor direcção,o rumo mais correcto.
A anciã de caminhos novos, não nos deixa chegar ao "porto" seguro, ao rumo certo.
Não deixa que percorramos as "Veredas Antigas" mas as mais seguras...

Abraços.

Viviana disse...

Querida Rosa

Gosto muito, muito deste versículo Bíblico!

Um grande abraço
Viviana