sábado, 14 de janeiro de 2012

Flores - de José Duro


Rosas de Toucar - Rosa Centifólia
Fonte da imagem: http://www.vestnik-cvetovoda.ru/photo/

Ó rosas desmaiadas,
Rosas de Maio, rosas de toucar,
Ó rosas do rei negro, aveludadas,
Abrindo à flava luz das madrugadas
As corolas em gérmen, corações a arfar…
No tremular de cores da asa vaporosa,
Borboleta que passa, vem beijar a rosa,
E aos murmúrios da brisa que corre anelante,
A subtil feiticeira deixa a sua amante
A chorar, a chorar, suavíssimos perfumes
- Pensamentos d’amor a traduzir ciúmes…
Borboleta que passa diz adeus à rosa,
No tremular de cores da asa vaporosa…
E aos murmúrios da brisa que desliza meiga,
Lá vai adormecer nas frescuras da veiga…
Deixando a rosa a soluçar, a soluçar,
Com pena de não ter asas para voar… voar!
Diversas flores, de diversas cores
Qual é de vós, dizei, os meus amores!

(Josè Duro) 1875/1899

4 comentários:

Lilá(s) disse...

Tenho desde o ano passado uma roseira dessas, não sabia que se chamavam assim!!
Bjs

Jorge Figueiredo disse...

Irmã viviana
Rosas lindas, lembro-me que a biblia faz menção a jesus como a rosa de sarom .
Deus a abençoe

Viviana disse...

Querida Lilá)S)

Conheci este tipo de rosas em criança.
Havia por lá perto de onde cresci, uma roseira que era o meu encanto.

Desde aí aprecio-as muito.

Beijos

viviana

Viviana disse...

Estimado e querido Irmão Pastor Jorge Figueiredo

É verdade!

Jesus - a Rosa de Saron.

Recordo que na minha Igreja havia o Departamento das Rosas de Sarom..
Eram jovens meninas.

Um grande abraço
viviana