sábado, 11 de outubro de 2008

Até logo, Irmão Paulo Maurício


O Irmão Paulo Mingot Maurício, era filho do meu primeiro Pastor - Dr. António Maurício - na Igreja Baptista de Leiria, quando eu era criança.

Na altura, eu tinha sete anos e o Paulo vinte e oito.

Quando eu deixei a cidade de Leiria e vim estudar Enfermagem em Lisboa , vim encontrá-lo na Terceira Igreja Evangélica Baptista de Lisboa, onde me congreguei e fiquei até casar.

Bem cedo, aprendi a respeitá-lo, a estimá-lo, a admirá-lo e a querer-lhe muito bem.

Há muitos, muitos anos que o não via, e dei por mim esta semana a pensar nele, e tive um desejo muito grande de o ver, de me encontrar com ele, pois sabia que deveria estar bem velhinho.

Nesse mesmo dia, tentei através da internet pesquisar alguma coisa sobre ele, e qual não é o meu espanto quando encontro um comunicado do seu pastor - António dos Santos - a participar o seu falecimento no passado dia trinta de Setembro deste ano, portanto, fazendo uma semana nesse dia.

Fiquei desolada.
Chorei tanto, tanto. Fiquei mesmo triste.
È que nem sequer soube do seu falecimento a tempo de ir ao seu funeral.Ainda estou a tentar recuperar desta dôr e desta tristeza.
Oiço a minha consciência a dizer-me constantemente:
"Viviana, tu fizeste muito mal em não ires saber dele há mais tempo."

Mas a gente nunca aprende. Faz sempre a mesma coisa. Depois sofre.

A fim de poderem conhecê-lo um pouco, decidi transcrever aqui o texto que o querido pastor António dos Santos , divulgou no dia do seu falecimento.
Contava oitenta e oito anos.

«Quinta-feira, 2 de Outubro de 2008

Paulo Mingot Maurício (1921 - 2008)

Transcrevemos, com o devido agradecimento, o seguinte texto da autoria do Rev. António dos Santos, pastor da Terceira Igreja Baptista de Lisboa, a propósito do falecimento recente de Paulo Mingot Maurício, conhecido dirigente evangélico e filho de um dos mais reputados fundadores da Obra Baptista em Portugal, Pastor António Maurício.

Nasceu em 5 de Fevereiro de 1921 na cidade do Porto. Terminou a sua abençoada carreira em 30 de Setembro deste ano de 2008.

O nosso saudoso irmão Paulo Maurício fez parte do pequenino grupo que deu origem à nossa igreja, reconhecida hoje como a Terceira Igreja Evangélica Baptista de Lisboa.

No dia 1 de Julho de 1956 ele estava presente para iniciar um abençoado testemunho que perdura até ao dia de hoje.

Agradecemos a Deus por ele e pelo seu incansável labor. Dirigiu as obras do nosso primeiro Templo, na altura reconhecido como um dos mais bonitos do país. Até hoje é mantido o logótipo que deu rosto à nossa Igreja.

Substituiu o Pastor na sua ausência. Dirigiu a administração financeira num tempo de recursos muito reduzidos, com despesas de aluguer quase incomportáveis.

Foi o nosso primeiro organista, preparado numa Escola da Alemanha, que atría muita gente só para o ouvir tocar. Dirigiu por largo tempo, com grande sucesso, a nossa Escola Bíblica Dominical. Na verdade, ele fez parte de toda a vida da nossa comunidade, interessando-se com grande dedicação e amor pelo seu testemunho e crescente desenvolvimento.

No meio evangélico, todos nos lembramos do seu entusiasmo pelo Orfeão da Juventude Evangélica Portuguesa, que foi um marco de excelência, num tempo de tremendas dificuldades para o povo das nossas Igrejas.

Na vida secular, foi gerente de sucesso numa grande empresa. Na família, foi marido carinhoso e amado, por 63 anos de matrimónio muito feliz.»
Louvo a Deus pela sua vida, e agradeço-lhe a benção de o ter conhecido e ter privado com ele.
Deixou um rasto lindo e perfumado que perpetuará a sua presença entre nós.
Lembrá-lo-ei com carinho e respeito.
Até logo, querido irmão e amigo Paulo Mauirício.
A gente encontra-se um dia destes do lado de lá, do rio.

16 comentários:

Ana Maria disse...

Amiga, tenha uma noite maravilhosa, beijinhos!

E o pensamento voa... disse...

Viviana, minha querida!

Vim te deixar um carinho, de fim de semana, e vejo que a amiga está tristinha...
Aceita meu abraço fraterno, amiga e meu beijo carinhoso!

Que o Senhor te console, Viviana linda!

Viviana disse...

Olá querida ana Maria,

Obrigada amiga linda!

Dormi bem, sim.

Já acordei e estou a saudar um novo dia.

Um beijo
Viviana

Viviana disse...

Olá querida Neli,

Obrigada amiga linda pelo abraço e pelo carinho.

Quanto á tristeza... estou a conseguir...

È só uma questão de tempo.

Depois, em vez da tristeza, ficará uma doce lembrança.

um beijo

um bom dia de sábado
viviana

Pelos caminhos da vida. disse...

Ganhei vários selinhos e,hoje começei a repassar pra vcs.
Respeito as pessoas que não gostam,mas assim como mereci,meus amigos tb merecem.

O seu está lá te esperando.

beijooo

Meus sentimentos.

Viviana disse...

Obrigada Ana linda.

Fico muito grata.

um beijo
Viviana

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Viviana, vim desejar-te um bom fim de semana e deparo-me, com essa triste notícia!...
O teu coração está magoado, eu sou solidária contigo Amiga!...
Beijinhos de muito carinho e ternura,
Fernandinha

Viviana disse...

Olá querida Fernandinha,

Obrigada amiga linda pelo carinho e solidariedade.

Sabe, sou muito sensível á partida dos amigos.
e Nestes últimos tempos têm partido tantos!

Nestes ùltimos três meses o Paulo é o Sétimo.

Imagine.

Mas Deus está a ajudar-me a ultrapassar e a suportar a saudade.

Um beijo amiga linda

tenha um excelente fim de semana

Viviana

Fica-me um grande vazio e uma imensa saudade.

Embora eu saiba que ele está muito melhor agora.

Terminou os seus trabalhos e a esta hora já recebeu o seu galardão como amigo e filho de Deus que era.

Maria Emília disse...

Pois é Viviana, dá saudade a partida deste querido irmão que também eu tanto amei.
Apesar de termos muita intimidade durante anos, incluindo a Eduarda e os meus filhos, desde que eles ficaram mais pela Costa da Caparica que fomos deixando o tempo passar e, tal como a Viviana, quando no início deste mês soube da partida já era tarde para o rever e mesmo para acompanhar a Eduarda neste desfecho.
A vida aqui é assim mesmo, o consolo é sabermos que na verdade voltamos a nos encontrar lá na glória do Pai.
Um dia destes será...
Shalom!
Mimi

Viviana disse...

Olá querida Mimi,

Pois é.

Eu sei quanto bem vocês se queriam.
Dói muito não é?

Pessoas lindas como ele...marcam a nossa vida de uma maneira muito especial.

Mas é assim como a Mimi diz:

Alegra-nos e tranquiliza-nos o coração, saber que a separação não é para sempre.

Ainda um pouco de tempo... e ver-nos - emos de novo junto com tantos outros na Casa do Pai.

Um beijo, minha linda comadre.
Viviana

Alice disse...

Certamente estaremos todos juntos um dia, ouvindo-o tocar seu orgão e adorar a Deus !!


beijos no seu coração e um lindo final de semana

Rosa disse...

Olá Viviana
Impossível os amigos e quem amamos ficarem entre nós para sempre.
Que fique "o seu rasto lindo e perfumado..." as boas lembranças, até que um dia todos nos encontraremos.

Viviana, tenha uma boa noite e amanhã um belo Dia do Senhor.

Beijos

Viviana disse...

Olá querida Alice,

Eu tambem creio que assim será.

Um beijinho

uma boa noite de descanso
Viviana

Viviana disse...

Olá querida Rosa,

è mesmo isso, amiga.

Mas custa tanto!

O Senhor me ajudará a ultrpassar esta dor e esta saudade.
Tenha uma boa noite de descanso e amanhã um abençoado dia do Senhor.


Um beijo
Viviana

carmen disse...

O que nos consola é a certeza de encontrarmos os nossos ente queridos e amigos ao atravessarmos o rio e, juntos a Jesus, podermos desfrutar daquela paz celestial que Deus nos promete, querida.

Abraço grande!

Viviana disse...

Olá querida Carmen,

Sem a menor sombra de dúvida, é essa a nossa consolação e esperança..

Felizes que somos!

´Um abraço grande , amiga linda

viviana