quinta-feira, 16 de outubro de 2008

A benção de ver os patos passar


Pato voando

Esta é a terceira vez neste blogue que eu escrevo sobre patos.

A primeira foi no dia 12/12/07:"O dia em que levámos os patos a tomar banho," e a segunda foi no dia 16/06/08: "O dia em que o pato caiu no poço."

Hoje o tema será: "A benção de ver os patos passar ".

È admissível, que quem aqui vier, estranhe esta persistência em eu falar dessas criaturinhas, que muito provávelmente, passam despercebidas na vida da maioria das pessoas, a não ser quando são apresentados num saboroso prato á mesa!
Isto evidencia um facto: Os patos, até certo ponto, fazem parte da minha história como pessoa, caso contrário não escreveria sobre eles.

O primeiro registe sobre patos, remonta á minha infância, quando era ainda bem pequena.
Lembro-me de os ver vivendo livremente no Rio Lis em Leiria, a esvoaçar no meio dos salgueirais e a banharem- se nas águas ainda límpidas daquele rio.Não sei explicar o porquê, mas já nessa altura dava-me uma alegria imensa vê-los.
Porém um acontecimento triste, ficou registado tambem; é que a pouco e pouco, aqueles belíssimos patos foram sendo "caçados" um a um, por o ti - Ananás, que tinha um táxi de côr verde, na estação de Leiria, e assim todos desapareceram.

O segundo registe vem de pouco depois, quando os meus pais decidiram criar patos, juntamente com as galinhas.

O terceiro registe é porque os patos são aves, e eu tenho uma enorme paixão pelas aves.
Está explicado.Entremos no tema de hoje.

A benção de ver os patos passar

Pela bondade de Deus, moro num sítio previlegiado, pois além de tudo mais de bom que tenho por aqui... e é muita coisa! tenho uma vista fantástica aqui desta janela da sala de onde escrevo.
Daqui vejo por exemplo a serra de Sintra com o seu lindo Palácio lá no alto, envolto por todo o deslumbrante verde.
Vejo o magnífico pôr do sol sobre o mar, que é já ali adiante.
Vejo os combóios passar, tanto os da linha de Sintra como os da linha do Oeste.
Vejo o céu estrelado e a lua em toda a sua beleza, como hoje por exemplo, que está absolutamente cheia e luminosa.

Gosto muito de assomar á janela quando está a anoitecer, bem assim como quando o dia está nascer.Há tanta beleza, tanta paz, tanta serenidade! Faz-me tão bem!

Pois bem, a propósito disto, há umas semanas atrás, quando assomei á janela ao escurecer, vejo passar por sobre a minha cabeça, um bando de aves voando, aves essas que tinham uma grande envergadura de asas, e voavam de uma forma diferente das gaivotas, das pombas, e de outras aves que passam habitualmente por aqui.
Olhei com mais atenção e então pude ver nitidamente que aquelas aves eram patos. Os patos são fáceis de identificar no vôo, por causa do rabo curto em relação ás outras aves.E ainda por outro pormenor curioso, que é o facto de quando em grupo, voam em forma de V.
Nesse dia passou um bando e depois passou outro mais pequeno e depois ainda um outro mais pequeno.
Vinham do lado esquerdo da linha se Sintra, no sentido Lisboa - Sintra e voavam em direcção de Caneças - Loures.
Não faço a mais pequena ideia de onde eles vinham e para onde se dirigiam...
Não imaginam o meu contentamento ao vê-los passar! Fiquei olhando, olhando, seguindo-os com os olhos até deixar de os ver.

Era extremamente belo o recorte do seu corpo no céu, voando.No meio da serenidade e da calma do anoitecer... era lindo!
Agora, todos os dias á mesma hora, deixo tudo e vou para a janela vê-los passar!
Passam todos os dias á mesma hora, precisamente quando a noite está a cair.
Já faz parte do meu dia - dia, ao anoitecer, ver os patos passar...
È assim como que um refrigério para o espírito, um presente de Deus para mim, no fim do dia.
E eu estou-lhe tão grata, mas tão grata... por me permitir ver os patos passar...que O louvo e o engradeço, e lhe agradeço... por esta pequenina - grande - prenda que Ele se lembrou de oferecer ultimamente.

Eu sei, estão a pensar que eu sou tonta, mas podem pensar á vontade, eu não me importo, eu não levo a mal, não.
Mas olhem bem, eu não sou tonta não!
Eu estou é atenta "ás pequenas coisas"... que a vida tem para nos oferecer, porque é nas pequenas coisas, nas que parecem insignificantes, que está a verdadeira alegria de viver, e de ser feliz.

24 comentários:

Anita disse...

Viviana linda tenha uma maravilhosa quinta feira!
Horas de felicidade, paz, amor e amizade.

Como é bom e gratificante logo pela manhã podermos contemplar as maravilhas que Deus coloca à nossa disposição.
Confesso que me faz "impressão" as pessoas andarem constantemente a correr sem darem conta das belezas que o dia lhes reserva. Já acordam mal dispostas com a vida, quando só pelo facto de estarem vivas já deveria ser motivo de alegria, de benção.
Eu também tenho o privilégio de morar no campo e abrir as portadas das janelas e poder contemplar o sol a nascer de um lado e a lua a "deitar-se" do lado oposto. Os pássaros nas árvores a chilrearem, o cheiro da terra húmida da noite fria, a neblina da manhã a dissipar-se. Como Deus faz tudo tão perfeito e lindo não é verdade?
Já a macei hoje muito. Desculpe.
Hoje deixei um abraço de Deus lá no meu cantinho.

Fique na paz. Fique com Deus.
Beijitos.
Anita (amor fraternal)

Viviana disse...

Olá querida Anita,

È verdade, amiga linda.

Tanta gente que corre apressada de um para outro lado sem se deter um pouco para apreciar tudo quanto de belo e maravilhoso o senhor Deus - Criador, colocou no nosso caminho e á nossa disposição.

Tenha tambem um dia muito abençoado querida amiga

Um beijo
Viviana

bete pereira da silva disse...

Viviana, faz um favor pra gente: continue tonta.

E viva os patos! O v é de viva!

Anabela disse...

É verdade e sou testemunha disso. Essa energia renovada a cada dia, que eu muito admiro em si, vem da capacidade de se sentir feliz e agradecida a Deus, com todas as pequenas dádivas que recebe.
É um dom, essa capacidade de conseguir ver a beleza das pequenas coisas.
Beijinhos,
Anabela

Marlene Maravilha disse...

Descobriste o que muitos nao descobrem porque nao enxergam. Estao cegos para as maravilhas da vida natural. Além de tudo descobriste a maneira de viver feliz olhando a janela, simplesmente!!! Parabéns!!
(Também amo os animais e nao os como porque sou vegetariana.)
Beijos e saudades.
Vim olhar os lírios do campo e saí recolhendo-os para mim.

Viviana disse...

Olá querida Bete,

Pode estar descansada que eu creio que vou contiuar igualzinha, igualzinha, a apreciar e a gostar das coisas simples e pequenas, da vida.

Eu sei que um dia destes eu vou descobrir outros prazeres deste género,é só uma questão de estar atenta.

Então vale a pena dizermos juntas:

VIVAM OS PATOS!

Viviana disse...

Olá querida Anabela,

(minha linda nora!)

Pois é, a Anabela conhece-me muito bem , e é testemunha dos meus deleites e prazeres com as pequenas coisas.

E sabe, é uma alegria imensa para mim, que as três netas lindas que a Anabela e o Pedro me deram... bem assim como os outros quatro netos... já tenham sido "contagiados" por a avó viviana.

Aliás, o seu marido, meu lindo filho... é tanto ou mais do que eu, um apaixonado pela natureza.

Tenha um lindo dia

Beijinhos para todos dessa linda família

Viviana

Viviana disse...

Olá querida Marlene,

Cada vez que a encontro por aqui fico comovida, sabe.

Basta o seu nome para me lembrar de coisas muitas lindas, que o bom Deus fez e continua fazendo na sua vida e através de si.

Obrigada, amiga linda por as doces palavras que aqui deixou.

Um abraço

Viviana

Jhacy disse...

Viviana,

Seu blog é admirável assim como a sua descrição perfeita em "A bênção de ver os patos passar." Infelizmente, nem sempre agradecemos a Deus pela oportunidade de vermos e termos coisas tão belas!!
Que voc~e possas sempre publicar mensagens tão bela.
Beijos.

* O Cantinho da Lia * disse...

Eu nunca vi um pato voando...acho que não temos patos silvestres na minha região...

Beijinhos .

Pelos caminhos da vida. disse...

Querida Viviana!

Não te acho tontas,muito pelo contrário,és priveligiada por morar num lugar tão belo como descreveu,e mais ainda por esse presente que tb acho que é de Deus,são nos pequenos detalhes observados, e adimirados pela gente,que vemos que a vida é bela e assim sendo temos que vivê-la intensamente.

beijooo.

BC disse...

São de facto as pequenas coisas que todas juntas fazem as grandes coisas que fazem parte da vida.
Mas essa coisas pequenas vão tendo sempre mais sabor.
Falando dos patos acho maravilhosos ver os patos nos lagos, e então os cisnes são uma beleza à vista.
Beijinhos e um resto de bom dia

Viviana disse...

Olá Jhaci,

Que bom que veio até aqui a este cantinho!

Fiquei muito feliz com a sua visita e com as suas palavras.
Obrigada, pois.

Venha sempre que quiser e ouder, pois será muito bem recebida.

Desejo-lhe uma boa noite de descanso.

um beijo

viviana

Viviana disse...

Olá Lia linda,

È mais habitual ver os patos nas lagoas nadando, do que vê-los voando...

Mas aqui em Portugal há muitas lagoas e zonas húmidas e por isso abundam os patos.

Mas tambem não se vêm assim tantos voando.

Que tudo esteja bem consigo, amiga linda.

Uma boa noite de descanso eum breijo

viviana

Viviana disse...

Olá Ana linda,

Na verdade eu sinto-me uma preveligiada.

Mas em muitos aspectos...

Deus tem sido tão bondoso para mim!

Sabe, quando oro e falo com o Pai, a maior parte da oração é agradecimento.

Eu creio que é o resultado de um pai e uma mãe, e muitos amigos e irmãos... orando continuamente por mim.

Só pode!
Há tanta gente a orar por mim!

Creio que não há em mim méritos nem nada de especial...ai de mim.

Tenha uma boa noite de descanso, amiga linda

Um beijo

Viviana

Viviana disse...

Olá querida Isabel,

A minha amiga sabe muito melhor que ninguem como é bom apreciar e valorizar as pequenas coisas!

Que bom que temos sensibilidade para elas!

Elas estão por aí, é só estar atento e enxergar.

Tenha uma boa noite de descanso

Um beijo
Viviana

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Amiga Viviana,você está coberta de razão em admirar os seus patos.Aqui,no Rio de Janeiro,onde moro acontece algo parecido,não,igual,só que não são patos,são garças.Todos os dias ao entardecer elas passam aos bandos,acho que se recolhem para passar a noite.Eu digo que são as "minhas" garças.Admirável a sua idéia de postar sobre eles.Deus está,mesmo,nos detalhes pequenos e simples da vida,parabéns!!!Beijos,Sonia Regina

Viviana disse...

Olá querida Sónia,

As garças são bonitas!
Todas brancas e elegantes.
Interessante, a Sónia ter "as suas garças".
Que bom, não é?

È verdade, nas coisas simples e pequenas, podemos encontrar prazer e alegria.

Um beijo, amiga linda
Viviana

gaivota disse...

minha amiga é mais uma história de vida, e os patos são tão lindos, tão elegantes...
na holanda há imensos naqueles canais e lagos por todo o lado, são uma delícia para todos e as crianças adoram, e dão-lhes nacos de pão à boca
as minhas princesinhas vão todos os dias passear ao parque e levar pão aos patos...
beijinhos

* O Cantinho da Lia * disse...

sabe que aqui na minha região vemos muitas maritacas, bem-te-vis, sabiás, azulões, araras,pardais, pica-paus e até mesmo tucanos, às vezes...

carmen disse...

Viviana,
Que maravilha observar pela janela patos lindos como estes, a voar, em bando...
Aqui em São Paulo só temos patos brancos, e não voando em bando...

Quando via estes patos lindos retratados em imagens, e em artesanato, achava, na minha santa ignorância, que era exagero... Mas quando fui para a Califórnia e os vi, ao vivo e a cores, fiquei encantada...
Estou quase roubando esta foto sua, linda "de babar"
Bjs

Viviana disse...

Olá querida Gaivota,

Sim, os patos são belos e para mim têm uma certa magia.

Sobretudo quando os vejo voando em grupo.
Quem advinha de onde vêm e para onde vão?

Eu fico tempos e pempos imaginando.

Sim, na Holanda deve hacer muitos mesmo; com tanta água espalhada que há por lá.

Imagino como deve ser lindo as suas princesinhas dar pão aos patos no lago!

Um beijo amiga linda
Viviana

Viviana disse...

Olá Lia linda,

Imagino quantas aves lindas não deve haver por aí!

O Brasil é conhecido por ter uma enorme variedade de aves e pássaros!

Tenho até um PPS ´cuja música de fundo são os cânticos das aves brasileiras.

è lindo mesmo.

Um beijo
Viviana

Viviana disse...

Olá querida Carmen,

Sim, é lindo mesmo.

Este é o pato real, que é o mais numeroso em Portugal.

È sem dúvida muito belo.

Se quiser levar "o pato", leve.
Encontrei a imagem na internet mas não a identifiquei logo, e hoje andei á procura dela, para citar a fonte, mas olhe, não consegui encontrá-la.

Tenha uma boa noite amiga linda
Um beijo
Viviana