sexta-feira, 26 de setembro de 2008

As Tâmaras



Tamareira - Phoenix Dactylífera
Há algum tempo a esta parte, comecei a comer tâmaras.
Vi-as á venda no Super - mercado, comprei uma embalagem, provei, gostei e continuei a comprar. Agora já faz parte da lista das compras mensais.
Um dia destes lembrei-me de fazer alguma pesquisa sobre elas, e achei interessante o que encontrei; surpreendeu-me até, pois não as imaginava com tanta importância, quer como alimento, quer como meio de subsistência para milhões de pessoas no mundo
A Tamareira, do hebraico "Tamar"( tambem nome de mulher) ou dactileira - Phoenix Dactylífera - é uma palmeira extensivamente cultivada há milénios. Pensa-se que é originária dos "Oásis" da zona deserta do norte de África.
Hoje em dia, noventa e oito por cento de toda a produção mundial de tâmaras tem origem nos países asiáticos e africanos.

As tâmaras, devido ao alto conteúdo de hidratos de carbono simples e complexos (72%) constituem um alimento muito energético (274 Kcal por 100 gramas de tâmara seca). São ideais para aqueles que precisam de muita energia, como crianças e desportistas.

Falando em desporto, as tâmaras são ricas em potássio (790 mg por 100 g de tâmara seca), cobre (0,24 mg), magnésio (65 mg) e cálcio (59 mg).
Além disso, pelo seu conteúdo em açucares complexos, são metabolizadas pelo organismo de forma demorada. Isto é uma qualidade interessante quando temos que manter um ritmo intenso de esforço físico ou mental por um período longo de tempo.

As tâmaras são também ricas em ácido pantoténico ou vitamina B5, conhecida pelos seus efeitos tranqüilizantes. Assim, há quem diga que elas são anti-setressantes (“doses naturais de anti-estressante”) pela capacidade que tem de relaxar e proporcionar uma sensação de bem-estar. Também pode ser interessante comer algumas tâmaras antes de dormir por conter triptófano que estimula a formação de melatonina, que pode contribuir a conciliar o sono e evitar a insônia.

Benefícios para a saúde

Muitas das virtudes curativas das tâmaras já eram conhecidas e aproveitadas na antiguidade. Hoje em dia essas propriedades tem sido confirmadas e tem se descoberto que grande parte delas se deve à riqueza destes frutos em celulose e frutose.
Ricas em ferro, são aconselhadas para quem sofre de alterações hepáticas e anemias. Devido ao alto conteúdo de celulose e outra fibras recomendam -se nos casos de intestino preso por atuarem como suave laxante.
As tâmaras estimulam o apetite e são ricas em vitaminas A, B, C e minerais como cálcio, ferro e potássio. Livres de colesterol são um aliado magnífico na luta contra o cancro.
São ainda eficientes defensoras do organismo contra determinados tipos de infecções, tais como, as do aparelho respiratório e urinário.
Há no entanto um pormenor importante a ter em conta.
È que sendo tão ricas em açucares, as pessoas que sofrem de diabetes não as deverão ingerir sem falar com o seu médico.
Tambem as pessoas que são obesas, ou vias de o ser... terão de as consumir com conta, peso e medida.
As tâmaras são tambem muito usadas na culinária na confecção de pratos deliciosos, tais como, tâmaras enroladas em fatias de bacon fritas - uma excelente entrada para festas... e não só.
As pessoas que, tal como eu, tomam diuréticos, que habitualmente originam baixas súbitas de potássio e outros minerais, poderão trazer consigo algumas tâmaras para ingerir um pouco antes do momento em que habitualmente se sentem mal, fazendo assim a prevenção.

12 comentários:

Anita disse...

Hoje vim lhe deixar um presente.
Um abraço.
Mas não é um abraço comum.
Ele é muito apertado. Com ele quero demonstrar o carinho que sinto por si. O desejo que tenho em a ver sempre feliz e sorrindo.
Beijos no seu lindo coração e que seja sempre feliz!

Ai as tâmaras... lembram-me a Tunísia e as belas paisagens e os oásis... Lemnbro-me como os homens descalços subiam aqueles troncos para as ir apanhar. E são tão baratas lá.
São óptimas enroladas em bacon ou presunto e depois fritas. São uma maravilhosa entrada.

Bom fim de semana.
Fique bem. Fique com Deus.
Anita (amor fraternal)

Rosa disse...

Amiga Viviana

Já tive o prazer de ver ao vivo tamareiras com frutos, é uma palmeira muito bonita, elegante e vistosa.
Porem, dos seus frutos tenho de dizer que não sou muito apreciadora, acho-os demasiado doces, mas não lhes tiro o mérito:))
Ao falar deste fruto, lembro sempre que também Biblicamente podemos ler alguns texos que nos falam sobre a tamareira.
Daí eu ter alguma simpatia pela árvore.
Entre outros!

(GN 21,33) (I Samuel)

" Estava Saul em Guibeá, sentado debaixo de uma tamareira, na colina, com a sua lança na mão, rodeado por todos os seus criados"...

Viviana, tenha um bom resto de tarde.

Beijos, e até mais logo

gaivota disse...

minha amiga, gosto tando de tâmaras, secas como mais são divulgadas por cá e também frescas,
na tunísia faziam parte das minhas delícias...
fazem-se lindas e apetitosas entradas e também sobremesas de se lhes tirar o chapéu!
bom fim de semana
beijinhos doces...

Viviana disse...

Obrigada!

muito obrigada, querida amiga Anita.

Que desejo lindo de si para mim!

Que Deus sempre a oriente e abençoe!

Que Ele faça rsplansdecer o seu rosto sobre si, e lhe dê a Paz!

Um grande abraço
Viviana

Viviana disse...

Já viu Rosa?

Quando pertencemos a Cristo, e amamos o nosso Deus- Pai - Criador - até os nomes das coisas nós associamos´logo á Palavra de Deus!

Tão interessante não é?

Deus em tudo e todos!

Glória ao Senhor por isso.

Quanto ás tâmaras, conheço bastantes pessoas que não apreciam.

Eu gosto muito.

Tenha uma boa noite de descanso e até amnhã se Deus quiser

Um beijo
Viviana

Viviana disse...

Olá, Gaivota linda,



Deve ter sido muito interessante ter estado na Tunísia!

E conhecer as tamareiras... que giro!

As viagens são boas por isso. Aprendemos muito e conhecemos muitas coisas.

Um grande abraço
Viviana

Alice disse...

... hhmmm só de pensar em tamaras me dá agua na boca... elas cara,meladas são uma delíciaaaaa !!


bjkas doces pra vc

Viviana disse...

Olá querida Alice,

Aqui em Portugal elas são um pouco caras.

São importadas!

Sabe que é a minha "guloseima" preferida!?

Um beijo amiga linda

tenha uma boa noite de descanso
Viviana

carmen disse...

Aqui no Brasil é muito caro e só as vejo na época do Natal... Como também as acho muito doces, acaba ficando mais barato para mim... rsrsrs
Acho-as lindas e não sabia onde "nasciam", muito menos sobre todas estas qualidades nutricionais.
Gostei,
bjs

bete pereira da silva disse...

Puxa, que vergonha, vou confessar: nunca comi tâmara.

LUCIANE LEHMKUHL disse...

APAZ DE DEUS IRMÃ... VC TEM A BONDADE DO SENHOR NOS SEUS OLHOS

LUCIANE LEHMKUHL disse...

a paz de Deus... vc tem a bondade do Senhor estampada nos olhos