segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Realização de um velho sonho


O músico João Silva tocando as Taças de Cristal de Quartzo e
a Harpista Salomé Matos tocando a Harpa.

As fotos foram gentilmente cedidas por Joaquim Pais Matos.

Ontem, Domingo, realizei um velho sonho que me acompanha desde criança:
Ouvir tocar Harpa ao vivo.
Foi através da leitura da Bíblia, no Velho Testamento, que bem cedo me familiarizei com a Harpa - Instrumento musical usado no culto Judaico e muito citado no livro dos Salmos.
Até ontem, apenas tive oportunidade de ver tocar Harpa através dos programas musicais na televisão, como o "Mezzo" por exemplo.
Já tive ocasião de aqui apresentar e falar, por diversas vezes, da Casa da Cultura de Mira - Sintra, uma obra que considero muitíssimo importante por o que reprezenta na divulgação da cultura contemporânea, para os moradores deste simpático e tão querido Bairro de Mira - Sintra.
Pois bem, na programação do mês de Outubro foi incluido um Concerto de Harpa, pela jovem harpista Salomé Matos, sendo acompanhada por João Silva com Taças de Cristal de Quartzo.
Convidei os netos, Inês e Nuno, que estudam música, e lá fomos mais o Zé assistir ao concerto.
Quando vi a Harpa, tão bonita! Com cordas coloridas em tons verde e vermelho...enorme, mas muito elegante! Fiquei largos instantes olhando-a, percorrendo com os olhos cada pormenor; agora sim, finalmente, tinha chegado o momento de contemplá-la, de a conhecer.
A jovem Harpista que a dedilhava era muito bela. Vestia um lindo vestido, comprido, de seda vermelha com desenhos pretos, que realçava o tom claro do seu colo e braços. O seu rosto era tão sereno e tão suave, tal qual a música que das cordas se desprendia. Transmitia tanta paz, tanta beleza, que quando dei por mim, as lágrimas desciam pelo meu rosto. Ela e a harpa formavam um conjunto perfeito; que mais parecia um quadro de um grande pintor.
O músico que a acompanhava com as Taças de Cristal, João Silva, surpreendeu-me e maravilhou-me com a imagem tão bela do conjunto, com a sua sua presença tão agradável e relaxante e com os sons magnificos das Taças de Cristal por ele tocadas com grande sensibilidade e suavidade.
Garanto-vos que os sons da harpa e das taças eram tão harmoniosos, tão uníssonos, que momentos houve em que soavam como se fossem um único instrumento.
Senti-me tão tocada, tão abençoada, por aqueles momentos tão belos e tão especiais, que mais do que uma vez elevei para Deus o meu pensamento, repleto de uma enorme gratidão por o que me foi dado viver hoje com a Inês, o Nuno e o Zé, na Casa da Cultura de Mira - Sintra.

Deixo-vos alguns dados sobre estes dois músicos:

Sobre Salomé Matos

Salomé Matos iniciou os seus estudos de harpa no Conservatório Nacional de Lisboa tendo estudado sob a orientação do Professor Fausto Dias, Professora Clotilde Rosa e Professora Andreia Marques, com a qual finalizou o curso complementar de Harpa. Em 2010, finalizou o “Diploma accademico di IIº livello di alta formazione di Arpa, indirizzo solistico”, no Conservatório “Giuseppe Verdi” di Milano. Para além de colaborar com diversas orquestras e actuar a solo é também professora de Harpa. Sente-se inspirada pela natureza para as suas peças, e adora caminhar na serra de Sintra.

Sobre João Silva

João Silva começou a praticar yoga em 1994 e a ensinar em 1999. Acredita que todos podem praticar yoga, dai tirando benefícios. Vive actualmente em Lisboa com a sua companheira e os seus dois filhos. Realizou o “Sivananda Yoga Teachers Training Course” em Kerala, Índia e o “Sivananda Yoga Advanced Teachers Training Course” em Tamil Nadu, Índia. Nos Estados Unidos realizou “Pré-Natal and Labor Yoga” e “ Postpartum Yoga” no “Satchidananda Ashram” na Virgínia. Além das suas aulas regulares e workshops é também instrutor de yoga para a gravidez, parto e pós parto em centros de preparação para o parto e health clubs. Tem formação no método Pilates pelo Pilates Institute e formação em massagem de som com taças tibetanas pelo método Peter Hess. Regularmente realiza concertos e relaxamentos ao som de taças tibetanas e outros instrumentos. Com base na sua experiência de guia de percursos pedestres e suas viagens, organiza e conduz caminhadas na Natureza.

6 comentários:

manuel marques disse...

Há sempre uma primeira vez.

Abraço.

renato disse...

Olá Amiga Viviana!

Os sonhos quando são realizados, são como que um bálsamo para a alma! Fico muito feliz, também, pela alegria e felicidade demonstrado pela Viviana!

Ouvir, quem sabe, tocar harpa é muito reconfortante, por ser um instrumento que quando bem tocado nos relaxa a mente e o corpo!

É sempre um grato prazer passar aqui no seu cantinho, pelo que sempre que fôr oportuno cá estarei!

Desejo que tenha uma excelente noite e uma bela semana!

Um grande abraço do

Renato

carmen disse...

Vivi:

que coisa mais linda!!!

Deve ter sido um espetáculo!!!

Fico contente com você...

bjs

Viviana disse...

Sim, é isso.

Tantos anos de espera...

Tanta alegria e bem-estar na concretização do sonho.

Eu não imaginava como é belo o som da Harpa.

Uma noite tranquila

Beijo

viviana

Viviana disse...

Querido amigo Renato

É bom vê-lo aqui.

Aquele concerto foi um belo presente de Deus para mim.

É assim que Ele me mima e me abençoa.

Uma noite tranquila e uma boa semana para si, amigo

Um grande abraço

viviana

Viviana disse...

Querida Carmen

Foi na verdade maravilhoso, amiga.

Estou muito grata ao Pai de amor.

Beijo

viviana