terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Hospital de Portimão apoia médico sueco em tratamento Inovador da Otite Serosa


O Médico Otorrinolaringologista - Dr.Armin Bidarian Moniri 

"Um médico do Hospital de Portimão desenvolveu um método que evita 80 por cento das cirurgias em crianças que sofrem de otite serosa. Em Janeiro deste ano, o sueco Armin Bidarian Moniri foi distinguido, graças a esta invenção, pela rainha da Suécia.

Para criar este tratamento, o otorrinolaringologista sueco, a viver em Portugal desde 2009, inspirou-se na famosa Manobra de Valsalva, desenvolvida no século XVIII por um médico italiano e que consiste em tapar o nariz e a boca para forçar o ar a sair pelos ouvidos, de forma a desentupir os canais auditivos.

Esta manobra “é uma técnica muito eficaz na prevenção das complicações resultantes da otite serosa, mas é impossível pedir a uma criança entre os dois e os quatro anos para a aplicar, até porque a nível motor, nessas idades, é difícil efetuar este movimento”, explica o otorrinolaringologista Armin Bidarian Moniri ao Boas Notícias.

O método criado pelo médico do Hospital de Portimão é extremamente simples mas eficaz: consiste num tubo ligado a um balão que enche e esvazia confirme a criança respira. O equipamento vem integrado num simpático peluche que torna todo o processo mais cativante para os pequenos pacientes


O médico sueco com o Director do Serviço de Otorrinolaringologia - Dr Ilidio Gonçalves 
Equipamento evita oitenta por cento das cirúrgias

Armin Bidarian Moniri contou ao Boas Notícias que basta “realizar este tratamento durante quatro semanas, entre cinco a 10 minutos por dia, para evitar complicações, pelo menos em 80 por cento dos casos”.

O médico, com o apoio do Hospital de Portimão, começou a desenvolver a ideia em 2010. Entretanto já foram realizados dois testes clínicos, um deles envolvendo 20 crianças e um segundo teste envolvendo cerca de 40 pacientes. Os resultados já foram divulgados no jornal  “International Journal of Pediatric Otorhinolaryngology”.

A intervenção cirurgica na sequência de otites serosas é muito frequente. “Há várias complicações que resultam desta situação: é incómodo e arriscado para a criança (porque envolve anestesia geral) e também tem elevados custos socioeconómicos para as famílias e para o Estado”, salienta o otorrinolaringologista. Além disso, a cirurgia nem sempre resolver o problema e cerca de 20 por cento das crianças tem que voltar a ser operadas.

Equipamento foi distinguido na Suécia

A Rainha Silvia e o destinguido com o prémio       
O elevado sucesso deste tratamento conservador pediátrico chamou a atenção da rainha da Suécia. No dia 22 de Janeiro, Armin Bidarian Moniri, deslocou-se à sua terra natal para receber, das mãos da Rainha Silvia, uma distinção.

Em breve, o otorrinolaringologista, mais uma vez com o apoio da equipa Hospital de Portimão, vai começar uma nova fase de testes em parceria com instituições hospitalares suecas, italianos e austríacas.

Desta vez, o estudo vai envolver mais crianças e vai comparar, por exemplo, a competência auditiva em crianças que sofreram de otite serosa e que foram operadas, com as crianças que usaram o equipamento de Armin.

O peluche amigo dos ouvidos, que foi batizado de ‘Moniri-Otovent’, já foi patenteado e deverá ser comercializado por uma empresa sueca, no máximo, em 2015.

O médico, que é casado com uma portuguesa, sublinha a “importância” do Hospital de Portimão no desenvolvimento deste novo tratamento. Os estudos e os testes contaram com o apoio da equipa do Serviço de Otorrinolaringologia e do seu diretor, lídio Gonçalves.

"Apesar de sermos poucos médicos, no Centro Hospitalar Algarvio (CHA), contei sempre com o apoio dos meus colegas, o que foi fundamental para o sucesso do projeto”, garante Armin Bidarian Moniri.

Armin faz ainda questão de elogiar o trabalho do CHA que, “apesar de estar a funcionar com menos 50% dos médicos de que precisa, conseguiu reduzir o tempo das listas de espera das consultas e das cirurgias”.

   (https://www.blogger.com)

Nota:

Como enfermeira  de Saúde Pública, que trabalhei cerca de 4o anos na comunidade, regozijo-me  e alaudo com ambas as mãos, esta excelente "Boa notícia", que tanto irá contribuir para  resolver graves problemas de audição e sofrimento nas nossas crianças.

Muito Obrigada!   Dr..Armin Bidarian Moniri 

4 comentários:

Maria disse...

Deus queira que o método seja um sucesso. Pela rapidez de tratamento, a menor despesa e menos sofrimento.

É bom receber notícias assim.

Beijos.

Viviana disse...

Querida Mimi

Tantas crianças a ficarem com problemas de audição...e a terem de usar "aparelho"...

Graças a Deus, Por "esta boa noticia!

Estou muito feliz!

Um forte e carinhoso abraço
Viviana

✿⊱Lilasesazuis✿⊱by Lígia✿⊱ disse...

Viviana,

Fique a vontade...leve as fotos!!

Querida, boas notícias assim, sobre o avanço da ciência em prol do bem, deveriam ser divulgadas sempre!!

Grande médico!!

Beijinhos,

tenha uma ótima semana,

Lígia e =^.^=

Viviana disse...

Querida Lígia

Como me alegro em "encontrá-la aqui!

Obrigada por a sua generosidade.

Quanto ao invento deste jovem´médico, é mesmo para celebrar e aplaudir com ambas as mãos.

Um grande abraço, amiga linda
Viviana